Um Intestino Saudável é o primeiro passo para uma Boa Saúde!

Se considerarmos que o intestino é a primeira barreira à passagem de nutrientes e que está envolvido em numerosos processos além dos digestivos, entendemos que é fundamental mantê-lo saudável. src=

É na parede intestinal onde se acumulam a maioria de tóxicos procedentes dos alimentos e do meio ambiente.

As vilosidades intestinais são estruturas que recobrem o interior do intestino, responsáveis pela absorção de nutrientes. Certas patologias alteram a morfologia e função destas unidades funcionais; a flora bacteriana, em numerosas ocasiões pode tornar-se prejudicial para o individuo, dificultando os mecanismos de absorção de nutrientes e intervindo em processos patógenos provocando distintas doenças.

Da mesma forma que um intestino em mau estado provoca sintomas e distintas doenças, como stress, anorexia, vómitos, emagrecimento não saudável, obstipação e prisão de ventre, diarreia, flatulência, os benefícios derivados de uma depuração intestinal são múltiplos, repercutindo-se na saúde global do individuo. Certamente que já lhe aconteceu viajar ou tirar férias e os seus intestinos deixaram-no ficar mal! Ou ainda passar por períodos de stress e ansiedade em que o abdomen incha sem parar? Está na hora de desintoxicar o seu intestino.
Uma frequente desintoxicação interna do organismo tem os seguintes efeitos benéficos:
· Melhoria da motilidade e ritmo intestinal
· Estimulação do sistema imunológico
· Aumento do tônus vital
· Desbloqueio de doenças cronicas

A fisiologia intestinal está intimamente ligada a distintos órgãos adjacentes como fígado, pâncreas e estômago  Por esta razão é importante realizar uma drenagem Hepatobiliar optimizando o funcionamento deste órgão.

Doenças relacionadas com desequilíbrios hepático-intestinais:
· Cefaleias e Enxaqueca;
· Obstipação;
· Acne;
· Flatulência;
· Candidíase;
· Diminuição da capacidade defensiva do sistema imunológico;
· Dispepsia;
· Cálculos biliares;
· Psoríase;
· Doenças inflamatórias intestinais (Crohn, colite, ulcerosa, síndrome de intestino irritável).

Nesta fase de depuração é de importância extrema ter cuidados especiais na alimentação que passam por eliminar temporariamente os alimentos aos quais há intolerância alimentar, eliminar álcool, café e alimentos refinados. A dieta deve basear-se em frutas e verduras frescas, azeite virgem, legumes, frutos secos, ingestão abundante de água, peixe e moderar o consumo de carnes.

Clínicas Viver © 2019 All rights reserved

Boosted by BYD